Despossessão - 2019

Lisboa - Portugal

Técnica Mista

Acrílica e giz sobre metal e madeira, suspensa em corda de agave

80cmX50cmX15cm

"Despossessão" partiu de uma reflexão  e uma inquietudes com as  questões dos povos indígenas na conjuntura atual brasileira.

Fiz interferências na obra com ruídos do meu subconsciente durante o processo de pesquisa, criando tensões entre a realidade social e invisibilidade social, uma chamada de atenção para minoria e uma denúncia a força capitalista que insiste em silenciar os que por eles são consideradas uma massa invisível.

Acredito que esse processo de invasão, ocupação e exploração nas culturas indígenas está gerando além de todos as percas materiais e imateriais, também vem gerando uma marginalização forçada dos povos.

O indígena não perde seu direito quando fala e quando se faz percebido, muito pelo contrário, faz com que seus valores e suas intenções sejam apresentados de uma forma justa aos que os consideram invisíveis.

Na obra “Despossessão” procurei gerar um certo engajamento com a realidade e como percebo a fragilidade da mulher indígena nessas interferências e como elas são as que mais sentem na pele as intervenções que homem doutrinado para uma mentalidade capitalista apresenta para os homens da tribo e toda a comunidade, gerando estados de desgastes e criando percas substancial em nossa cultura.

 © 2023 by Agatha Kronberg. Proudly created with Wix.com

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Vimeo Icon
YAN GUARACY